Portal:Tecnologia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Portal de TecnologiaVerEditar
STS-114, External tank test.jpg
Tecnologia (do grego τεχνη — "técnica, arte, ofício" e λογια — "estudo") é um termo que envolve o conhecimento técnico e científico e as ferramentas, processos e materiais criados e/ou utilizados a partir de tal conhecimento. Dependendo do contexto, a tecnologia pode ser:
  • As ferramentas e as máquinas que ajudam a resolver problemas;
  • As técnicas, conhecimentos, métodos, materiais, ferramentas e processos usados para resolver problemas ou ao menos facilitar a solução dos mesmos;
  • Um método ou processo de construção e trabalho (tal como a tecnologia de manufatura, a tecnologia de infraestrutura ou a tecnologia espacial);
  • A aplicação de recursos para a resolução de problemas;
  • O termo tecnologia também pode ser usado para descrever o nível de conhecimento científico, matemático e técnico de uma determinada cultura;
  • Na economia, a tecnologia é o estado atual de nosso conhecimento de como combinar recursos para produzir produtos desejados (e nosso conhecimento do que pode ser produzido).
  • Os recursos e como utilizá-los para se atingir um determinado objetivo, para se fazer algo, que pode ser a solução ou minimização de um problema ou a geração de uma oportunidade, por exemplo.
Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
Artigo selecionadoVerEditar
Circuito integrado de um microprocessador dedicado para processamento de imagens de ressonância magnética, a fotografia foi aumentada 600 vezes, sob luz ultravioleta para se enxergar os detalhes.

Em eletrônica, um circuito integrado, microchipe, chipe e nanochipe (do inglês, microchip, chip, nanochip), abreviadamente CI, é um circuito eletrônico miniaturizado (composto principalmente por dispositivos semicondutores) sobre um substrato fino de material semicondutor.

Os circuitos integrados são usados em quase todos os equipamentos eletrônicos usados hoje e revolucionaram o mundo da eletrônica.

Um circuito integrado híbrido é um circuito eletrônico miniaturizado constituído de dispositivos semicondutores individuais, bem como componentes passivos, ligados a um substrato ou placa de circuito.

Os circuitos integrados foram possíveis por descobertas experimentais que mostraram que os dispositivos semicondutores poderiam desempenhar as funções de tubos de vácuo, e desde meados do século XX, pelos avanços da tecnologia na fabricação de dispositivos semicondutores. A integração de um grande número de pequenos transistores em um chip pequeno foi uma enorme melhoria sobre o manual de montagem de circuitos com componentes eletrônicos discretos. A capacidade do circuito integrado de produção em massa, a confiabilidade e a construção de bloco de abordagem para projeto de circuito assegurou a rápida adaptação de circuitos integrados padronizados no lugar de desenhos utilizando transístores pequenos.

Há duas principais vantagens de circuitos integrados sobre circuitos discretos: custo e desempenho. O custo é baixo porque os chips, com todos os seus componentes, são impressos como uma unidade por fotolitografia: um puro cristal de silício, chamada de substrato, que são colocados em uma câmara. Uma fina camada de dióxido de silício é depositada sobre o substrato, seguida por outra camada química, chamada de fotorresiste.

Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
Biografia selecionadaVerEditar
Newton retratado por Godfrey Kneller, 1689 (com 46 anos de idade)

Isaac Newton (Woolsthorpe-by-Colsterworth, 4 de janeiro de 1643Kensington, 31 de março de 1727) foi um astrônomo, alquimista, filósofo natural, teólogo e cientista inglês, mais reconhecido como físico e matemático.

Sua obra, Princípios Matemáticos da Filosofia Natural é considerada uma das mais influentes na história da ciência. Publicada em 1687, esta obra descreve a lei da gravitação universal e as três leis de Newton, que fundamentaram a mecânica clássica. Ao demonstrar a consistência que havia entre o sistema por si idealizado e as leis de Kepler do movimento dos planetas, foi o primeiro a demonstrar que os movimentos de objetos, tanto na Terra como em outros corpos celestes, são governados pelo mesmo conjunto de leis naturais. O poder unificador e profético de suas leis era centrado na revolução científica, no avanço do heliocentrismo e na difundida noção de que a investigação racional pode revelar o funcionamento mais intrínseco da natureza.

Newton construiu o primeiro telescópio refletor operacional e desenvolveu a teoria das cores baseada na observação que um prisma decompõe a luz branca em várias cores do espectro visível. Ele também formulou uma lei empírica de resfriamento e estudou a velocidade do som. Além de seu trabalho em cálculo infinitesimal, como matemático Newton contribuiu para o estudo das séries de potências, generalizou o teorema binomial para expoentes não inteiros, e desenvolveu o método de Newton para a aproximação das raízes de uma função, além de muitas outras contribuições importantes. Newton também dedicou muito de seu tempo ao estudo da alquimia e da cronologia bíblica, mas a maior parte de seu trabalho nessas áreas permaneceu não publicada até muito tempo depois de sua morte.

Em uma pesquisa promovida pela Royal Society, Newton foi considerado o cientista que causou maior impacto na história da ciência. De personalidade sóbria, fechada e solitária, para ele a função da ciência era descobrir leis universais e enunciá-las de forma precisa e racional.

Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
Imagem selecionadaVerEditar
Esquema de funcionamento de um câmbio manual de cinco velocidades
Legenda: Esquema de funcionamento de um câmbio manual de cinco velocidades e ré.
O câmbio manual é um sistema de engrenagens e com alavanca que permite ao condutor do automóvel trocá-las manualmente, em oposição ao sistema de câmbio automático, escolhendo a marcha mais apropriada para o deslocamento do veículo. Permitindo ao condutor optar por maior ou menor velocidade e torque em função das condições de carga do veículo e do terreno em que trafega, de modo a obter maior eficiência em relação ao consumo de combustível e tempo de deslocamento.
Compartilhe: Compartilhe via Facebook Compartilhe via Google+ Compartilhe via Twitter
Sabia que...VerEditar
ColaboraçãoVerEditar
Colabore!

Agradecemos o seu interesse por ampliar e melhorar os artigos relacionados com Tecnologia na Wikipédia! Abaixo algumas coisas que esperam a sua colaboração.

Veja também
CategoriasVerEditar
Portais relacionados e WikiProjetosVerEditar
WikimediaVerEditar
Tecnologia no Wikinotícias     Tecnologia no Wikiquote     Tecnologia no Wikilivros     Tecnologia no Wikisource     Tecnologia no Wikcionário     Tecnologia na Wikiversidade     Tecnologia no Commons
Notícias Citações Livros didáticos e manuais Biblioteca Definições Recursos de aprendizado Imagens e mídia
http://pt.wikinews.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWikinews-logo.png
http://pt.wikiquote.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWikiquote-logo.svg
http://pt.wikibooks.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWikibooks-logo.png
http://pt.wikisource.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWikisource-logo.svg
https://pt.wiktionary.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWiktionary-logo-en.svg
http://pt.wikiversity.org/wiki/Special:Search/TecnologiaWikiversity-logo.svg
//pt.wiki.sxisa.org/wiki/Especial:Search/Commons:TecnologiaCommons-logo.svg